• Facebook Social Icon
  • Twitter Social Icon
  • YouTube Social  Icon
  • Instagram Social Icon
  • Google+ Social Icon

Mais de 100 extremistas assaltam nova igreja dedicada à Virgem de Fátima na Índia

26.05.2017

 

 

Nossa Senhora de Fátima / Foto: Flickr Eduardo Segura (CC_BY_NC_ND_20)

 

Roma - Uma igreja dedicada a Nossa Senhora de Fátima e recentemente inaugurada por ocasião dos 100 anos das aparições marianas foi atacada por uma multidão de cem pessoas na Diocese de Hyderabad, no estado indiano de Andhra Pradesh.

 

Segundo informou no dia 22 de maio a revista ‘Mondo e Missione’ do Pontifício Instituto para as Missões Exteriores (PIME), a igreja tinha sido inaugurada pelo Arcebispo de Hyderabad, Dom Thumma Bala, no último dia 13, durante a celebração do centenário das aparições de Nossa Senhora de Fátima.

 

Foto: Pe. Vijay Kumar Rayarala, Superior Regional doPIME na Índia

 

A revista assinalou que os responsáveis pertencem aos “movimentos mais fanáticos da direita nacionalista hindu” e que a igreja ficou “completamente” devastada. Os vândalos destruíram as imagens de Jesus e da Virgem Maria, paramentos, quadros e cadeiras.

 

A informação e as imagens foram enviadas a ‘Mondo e Missione’ pelo Pe. Vijay Kumar Rayarala, Superior Regional do PIME na Índia. A revista assinalou que este ataque é “um sinal particularmente preocupante não só pela maneira que foi executado, como também porque Hyderabad não está em uma das áreas onde normalmente ocorre este tipo de violência”.

 

“Estamos em estado de choque e com muita dor. Que o Senhor nos proteja e perdoe as pessoas que cometeram esta destruição. É um sinal muito perigoso e os cristãos devemos permanecer unidos ao exigir que os culpados sejam detidos”, expressou o Pe. Vijay.

 

 

Foto: Pe. Vijay Kumar Rayarala, Superior Regional do PIME na Índia

 

Em declarações recolhidas pela Rádio Vaticano, Dom Thumma Bala assinalou que “este ato de profanação, de vandalismo e a destruição das imagens ferem profundamente os sentimentos religiosos da Igreja Católica”.

 

Por sua parte, o Arcebispo de Bombaim, Cardeal Oswald Gracias, condenou este ataque e disse que foi “uma experiência horrível”. Indicou que permanece em contato com Dom Thumma Bala.

Informou que no momento do ataque não estavam realizando nenhum ato religioso, mas os atacantes começaram a perturbar os fiéis presentes.

 

O Cardeal Oswald Gracias assinalou que “a intolerância faz mal ao país e é uma vergonha para todos. Condeno fortemente este incidente, esperamos que seja um acontecimento isolado”.

 

“Essas coisas não fazem bem à nação. Trata-se de um pequeno grupo, entretanto estes acontecimentos são uma vergonha para todos nós. A cada certo tempo acontecem estes incidentes”, indicou. Entretanto, destacou que “desta vez o governo reagiu de forma rápida: cerca de 15 pessoas foram presas, o governo prometeu apoio às atividades da Igreja”.

Please reload

DESTAQUE

21 sugestões para viver melhor esta Sexta-Feira Santa

18 Apr 2019

1/10
Please reload

April 18, 2019

April 18, 2019

Please reload