• Facebook Social Icon
  • Twitter Social Icon
  • YouTube Social  Icon
  • Instagram Social Icon
  • Google+ Social Icon

Urgente: Mil pessoas ficaram presas na Catedral de Notre Dame por atacante em Paris

06.06.2017

 

 

Catedral de Notre Dame de Paris / Crédito: Wikimedia Commons

 

PARIS - A polícia já controlou o incidente ocorrido hoje no lado de fora da Catedral de Notre Dame em Paris.

Um sujeito, que foi baleado, atacou um policial com um martelo, por volta das 16h30 (hora local).

 

Para garantir a segurança dos visitantes da Catedral, as autoridades decidiram fechar o templo emblemático, onde havia aproximadamente mil pessoas esperando que a situação se normalizasse. Algumas já saíram do local, autorizadas pela polícia.

 

Christophe Girard, prefeito do quarto distrito de Paris, assinalou a uma emissora de televisão local citada pelo diário ‘Le Figaro’ que “a polícia reagiu com muita rapidez. O policial que foi atacado ficou levemente ferido”.

 

 

 

FOTOS Incidente en Notre Dame causó pánico entre los turistas que visitaban el lugar.

 

Girard também parabenizou a polícia pela rápida intervenção e explicou que a Catedral de Notre Dame “está sob vigilância permanente”.

 

Em declarações à imprensa, o Ministro do Interior, Gérard Collomb, explicou que o atacante, que agora está hospitalizado, “também estava armado com facas de cozinha”. Antes de atacar, o homem gritou: “Isto é pela Síria!”.

 

“Agora estão fazendo terrorismo com o que eles têm na mão, com coisas básicas”. O atacante disse, “estava sozinho, não estava associado a nenhuma outra pessoa”.

 

“O ataque teria sido mais grave se a reação da policia não tivesse sido tão rápida”, precisou Collomb. Comentou ainda que conversou com as autoridades britânicas, também preocupadas com o terrorismo após o atentado em Manchester e os ataques em Londres no sábado à noite, no qual 7 pessoas morreram.

Please reload

DESTAQUE

21 sugestões para viver melhor esta Sexta-Feira Santa

18 Apr 2019

1/10
Please reload

April 18, 2019

April 18, 2019

Please reload