• Facebook Social Icon
  • Twitter Social Icon
  • YouTube Social  Icon
  • Instagram Social Icon
  • Google+ Social Icon

Bispos catarinenses mobilizam cristãos na luta contra a legalização do aborto

31.07.2018

 

Após a divulgação da nota oficial da Comissão Episcopal Pastoral para a Vida e Família da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), assinada pelo bispo de Osasco (SP) e presidente da Comissão, dom João Bosco B. Sousa, ofm, ‘Aborto e Democracia‘, bispos de dioceses catarinenses também se pronunciaram sobre o assunto. A legalização do aborto volta à pauta nacional em uma audiência pública convocada pela ministra Rosa Weber, do Supremo Tribunal Federal (STF) para os dias 3 e 6 de agosto. Na audiência, será debatido a descriminalização do aborto até a 12ª semana de gestação, discutida na Arguição de Descumprimento de Preceito Fundamental (ADPF) 442.

 

Dom Francisco Carlos Bach, bispo de Joinville, dom frei Severino Clasen, ofm, bispo de Caçador e dom Odelir José Magri, bispo de Chapecó, em notas divulgadas nos sites e redes sociais das respectivas dioceses, se posicionaram contrários à proposta da ADPF 442 e convocaram a todo povo a se unirem em oração e na promoção de atividades em prol do respeito à dignidade de todo ser humano, desde a sua concepção.

 

A audiência pública será realizada no STF, Anexo II-B, sala da Primeira Turma, nos dias 03.08.2018 (sexta-feira) e 06.08.2018 (segunda-feira), das 8h40 às 12h50 e das 14h30 às 18h50. A CNBB apresentará sua posição, nesta audiência, no dia 6 de agosto, às 9h10, através da participação de dom Ricardo Hoerpers, bispo da diocese de Rio Grande (RS) e do padre José Eduardo de Oliveira e Silva, da diocese de Osasco (SP).

 

 

Please reload

DESTAQUE

21 sugestões para viver melhor esta Sexta-Feira Santa

18 Apr 2019

1/10
Please reload

April 18, 2019

April 18, 2019

Please reload